Mensagem

Mensagem

domingo, 31 de janeiro de 2010

A BELEZA DA ARTE E DA MÚSICA

PALIATIVO AO LADO NEGRO

DA VIDA.
Para embelezar um pouco a vida, que as misérias, violências e crueldades relatadas no artigo que se segue a este “power point” se descrevem e que são o espelho repugnante, das autênticas afrontas que se fazem á dignidade humana.
Resta-nos o consolo que nem tudo está perdido, ou tem semelhante bitola.
Basta olhar para o que se passa com Cuba.
O bloqueio que os “paradigmáticos defensores da liberdade”mantêm aquela ilha, múltiplas vezes condenados pela generalidade das nações civilizadas.
Os sacrifícios e dificuldades que há dezenas de anos os tais americanos, “lideres da liberdade e democracia”, lhe impõem, para os desmoralizar e corromper.
Nada disto consegue diminuir o valor e dimensão que os cubanos atribuem á solidariedade internacional.
E lá vão conseguindo encontrar forças e reservas anímicas, para enviar para os seus irmãos do Haiti, vítimas do devastador terramoto, a maior delegação médica de todos os países que acorrem em seu auxílio, todos eles muito mais ricos e poderosos.
É preciso ter em atenção, que os 400 médicos que agora foram enviados e de que ninguém fala, são um reforço á permanente ajuda que há muitos anos Cuba presta ao Haiti, quer a tratar e operar os seus doentes, quer a formar os médicos haitianos a quem no futuro irão trespassar essa altruísta e generosa tarefa.
(Para uma informação mais detalhada sobre essa humanitária ajuda, podem consultar o artigo que escrevemos e um vídeo sobre essa nobre missão dos Cubanos, que está neste Blogue no dia 24 de Janeiro.)


POR FAVOR!!!...NÃO PRECISA CLICAR....PRECISA APRECIAR!!!
NESTE LINK1



VIDA E MORTE NAS

PRISÕES AMERICANAS

Os Estados Unidos da América são por um lado país que mais condenados á morte executa em todo o mundo ocidental, e por outro o que tem um dos sistemas prisionais mais violentos, chegando ao extremo de utilizar os seus prisioneiros em autêntico trabalho escravo.
Os horrores indescritíveis que se passam dentro das cadeias, são descritas por Michael Scowen no seu “Livro Negro da América”, onde relata alguns dos numerosos casos de imoralidade, violência, corrupção e escravatura sexual, de uma dimensão inimaginável.
A privatização das cadeias, agravou a situação e a utilização da mão-de-obra prisional, tornou-se tão “atractiva”, que fez nascer um novo “ramo de comércio” a que se dedicam centenas de empresas privadas, proporcionando lucros de tal dimensão, que a principal empresa que explora este “negócio”, é uma das cinco empresas mais bem cotadas dos Estados Unidos.
Se a situação prisional já era péssima, ultrapassou todos os limites imagináveis após o 11 de Setembro, com a transformação de quase todas as prisões, em prisões de alta segurança, desumanização dos regulamentos internos, e um sistema penitenciário sem qualquer respeito pelas convenções internacionais dos direitos humanos dos reclusos.
Nas cadeias norte-americanas são permanentemente violados os direitos humanos, nomeadamente os contidos na Declaração Universal dos Direitos Humanos, na Convenção Internacional sobre Direitos Civis e Políticos e na Convenção Contra a Tortura e Outros Tratamentos ou Castigos Cruéis, Desumanos ou Degradantes.
Estranho para nós é o silêncio que a maioria dos média, quer americanos quer europeus, fazem da incomensurável dimensão deste problema.
Pelo que temos lido e ouvido, a respeito das medidas preconizadas por algumas pessoas e forças políticas do nosso país, no rasto do fundamentalismo religioso que desde o consulado Reagan e da família Bush, tem assento no executivo norte-americano, exultariam se tal regime prisional fosse estabelecido em Portugal.
Veremos o que a muito solicitada e polémica revisão do Código Penal nos vai trazer, procurando impor a juizes e procuradores, a propósito da violação do segredo de justiça, sentenças mais duras e prolongadas, supostamente com o propósito de dissuadir os criminosos.
Agora que o PS resolveu fazer descaradamente um chamado “prolongado acordo económico/financeiro”, para “salvar” Portugal da ruína a que eles próprios têm levado este país, desde 1975, a objectiva concretização deste mascarado “governo central” com a vexatória influência do CDS, que faz da segurança a sua mais demagógica reivindicação.
Só estou para ver a reacção dos verdadeiros Socialista a esta “Santa Aliança”.
Mas ainda não explicámos, que tudo isto vem a propósito de uma mensagem que recebemos, fazendo um pretenso irónico apelo, aparentemente veemente e sincero, como mais abaixo se perceberá, para trazerem para Portugal, um repugnante “xerife”, do Condado de Maricopa, no Arizona, de seu nome Joe Arpaio, sucessivamente reeleito, não devido certamente aos bons serviços que presta á comunidade, mas certamente aos bons lucros que proporciona á empresa que explora a prisão e a mão de obra escrava dos prisioneiros.
A notícia, vinha antecedida do seguinte comentário, cuja linguagem informaticamente cifrada, mantenho no original:
Assunto: Xerife
“ORA AQUI ESTÁ ALGUEM K PENSA COMO EU, DESDE QUANDO É K PRISAO TEM K SER O HILTON? SE NÓS POBRES MORTAIS K TEMOS K TRABALHAR DURO PARA TERMOS O MINIMO PARA SOBREVIVER, ACHO MT BEM K SEJA ASSIM,K TALVEZ APRENDAM K SAINDO NAO É AGRADAVEL VOLTAR E SE COMPORTEM MELHOR,É PENA K EM PORTUGAL SE INCENTIVE O CRIME E NAO AJA GENTE COM TOMATES PARA COMEÇAR A MOSTRAR A CERTOS MENINOS K CADEIA NAO É HOTEL”.
A que se seguia então o seguinte relato:


TRAGAM ESTE INDIVÍDUO PARA PORTUGAL URGENTEMENTE...!!!


Joe Arpaio é o xerife do Condado de Maricopa,
no Arizona há já bastante tempo e continua
sendo re-eleito a cada nova eleição.

.
.
.
.
..
.
.
Ele criou a 'cadeia-acampamento', que são várias tendas de lona, cercadas por arame farpado e vigiado por guardas como numa prisão normal.



















Baixou os custos da refeição para 40 centavos de dólar que os detidos, inclusivé, têm de pagar.
Proibiu fumar, não permite a circulação de revistas pornográficas dentro da prisão e nem permite que os detidos pratiquem halterofilismo.
Começou a montar equipas de detidos que, acorrentados uns aos outros (chain gangs), são levados à cidade para prestarem serviços para a comunidade e trabalhar nos projetos do condado.
Para não ser processado por discriminação, começou a montar equipas de detidas também, nos mesmos moldes das equipas de detidos















Cortou a TV por cabo aos detidos mas quando soube que TV por cabo nas prisões era uma determinação judicial, voltou a permitir mas só entra o canal do tempo e da Disney.
Quando lhe perguntaram por que o canal do tempo, respondeu que era para os detidos saberem que temperatura iriam enfrentar durante o dia quando estivessem a prestar serviço na comunitário, trabalhando nas estradas, construções, etc.
Em 1994, cortou o café, alegando que, para além do baixo valor nutritivo, estava a proteger os próprios detidos e os guardas que já haviam sido atacados com café quente por outros detidos, sem falar na economia dos cofres públicos de quase US$ 100.000,00/ano.
Quando os detidos reclamaram, ele respondeu:
- Isto aqui não é um hotel 5 estrelas e se vocês não gostam, comportem-se como homens e não voltem mais.
Distribuiu uma série de vídeos religiosos aos prisioneiros e não permite quaisquer outro tipo de vídeos na prisão.
Perguntado se não teria alguns vídeos com o programa do partido democrata para distribuir aos detidos, respondeu que nem que tivesse, pois provavelmente essa era a causa da maioria dos presos ali estarem.
Com a temperatura batendo recordes a cada semana, uma agência de notícias publicou:
Com a temperatura atingindo 116 F, (47º C), em Phoenix no Arizona, mais de 2000 detidos na prisão-acampamento de Maricopa tiveram permissão de tirar o uniforme da prisão e ficar só de shorts (cor-de-rosa), que os detidos recebem do governo.
















Na última quarta-feira, centenas de detidos estavam recolhidos nas barracas, onde a temperatura chegou a atingir os 138°F (60°C). Muitos com toalhas cor de rosa enroladas no pescoço estavam completamente encharcados de suor.
'Parece que estávamos dentro de um forno', disse James Zanzot que cumpriu pena nessas tendas por um ano.
Joe Arpaio, o xerife durão que inventou a prisão-acampamento, faz com que os detidos usem uniformes cor-de-rosa e não faz questão alguma de parecer simpático.
Diz ele aos detidos:
- Os nossos soldados estão no Iraque, onde a temperatura atinge 120°F (50°C), vivem em tendas como vocês e ainda tem de usar fardamento, botas, carregar todo o equipamento de soldado e, além de tudo, não cometeram crime algum como vocês, portanto, calem a boca e parem de reclamar!
Se houvessem mais prisões como esta, talvez o número de criminosos e reincidentes diminuísse consideravelmente.
Criminosos graves têm de ser punidos pelos crimes que cometeram e não serem tratados a 'pão-de-ló', tendo do bom e do melhor, até serem soltos para voltar a cometer os mesmos crimes e voltar para a vida na prisão, cheia de regalias e reivindicações.
Muitos cidadãos honestos, cumpridores da lei e pagadores de impostos não têm, por vezes, as mesmas regalias que esses bandidos tem na prisão.


Artigo extraído e traduzido de um documentário da televisão americana. Os factos acima são verídicos e a prisão-acampamento está lá, em Maricopa, Arizona.

sábado, 30 de janeiro de 2010

HOJE ESTÁ UM FRIO TRAMADO

De facto, este inverno, ainda não tínhamos sentido tanto frio.
Está tanto frio, tanto frio, que nos lembramos de publicar este “power point, como prémio de compensação.


NESTE LINK
GUERNICA EM 3 DIMENSÕES

A celebre tela Guernica, com 782 x 351cm, é um painel a preto e branco, pintado a óleo por Pablo Picasso e representa uma alegoria ao bombardeamento e destruição da cidade de Guernica, levado a cabo pelos aviões alemães em 26 de Abril de 1937. Esta tela encontra-se actualmente exposta no Centro Nacional de Arte Rainha Sofia, em Madrid.
O pintor, que se encontrava exilado em Paris na altura, soube do massacre pelos jornais e pintou as pessoas, animais e edifícios destruídos, tal como os viu na sua imaginação.
Agora uma artista nova-iorquina, Lena Gieseke, que domina as mais modernas técnicas de infografia digital, decidiu propor uma versão em 3 Dimensões dessa célebre obra e colocá-la na Net sob a forma de um vídeo.
O resultado é fascinante e permite-nos visualizar detalhes, que de outro modo passariam despercebidos.
Esta técnica inovadora revela-se um instrumento poderoso para compreender melhor a forma de trabalhar do pintor e até o modo como funcionava a sua imaginação.


NOTA-

NÃO PERCA A OPORTUNIDADE DE VER ESTE VIDEO EM ECRAN INTEIRO

PARA ISSO CLIQUE NO QUADRADO COM 4 SETAS QUE SE ENCONTRA NO CANTO DIREITO , NA PARTE DE BAIXO DO VIDEO


sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

FOTOS EXCEPCIONAIS

Mais uma vez publicamos um “power point” que é uma verdadeira obra de arte.
Sente-se o talento. Não precisa de elogios.
Só um pequeno/grande pormenor.
Aprecie a música e a espectacular voz de Barbara Streisand, enquanto a sua imaginação vagueia pelas imagens fotografadas.


NESTE LINK



Cheguei ao vídeo que publicamos em baixo, de uma forma muito displicente.
Eu explico: não somos, nem nunca fomos apreciadores de Elvis Presley, embora reconheçamos que no seu tempo foi considerado um rebelde e como tal incensado por uns e maltratado por outros.

No entanto sempre nos pareceu que havia imensa teatralidade e calculado artificialismo, no seu comportamento.
A excentricidade do artista, quer na sua imagem, quer na actuação em palco, quer no realce que os média daquele tempo davam a alguns aspectos da sua vida particular, nunca exerceram em nós qualquer curiosidade, atracção ou empatia, contrariamente ao que aconteceu com os Beatles, esses sim, estrelas máximas do nosso imaginário, cujo fim ainda não cicatrizou na nossa memória.
Sabia na altura, que as drogas tinham causado, ou pelo menos acelerado o drama que foi o fim da carreira de Elvis Presley e consequentemente da sua vida.
Mas tudo numa casualidade, fruto das múltiplas leituras do “fait divers”, que na altura vieram a publico, como referimos e só episodicamente tivemos conhecimento.
O culto que desde a sua morte até hoje, é feito pelos seus fans, nomeadamente junto da sua última residência “a mansão Graceland”, onde nos seus jardins ergueram um monumento fúnebre que contem os seus restos mortais, não nos causava mais indiferença, que as habituais histerias a que habitualmente as multidões se prestam, quando manipuladas e atingidas pelas emoções dos síndromas do tipo “Lady Di”.
Desde então, só episodicamente ouvimos trechos das suas interpretações.
Acontece que hoje, acidentalmente, tivemos acesso ao vídeo que publicamos a seguir a este texto e confesso que foi um choque surpreendente e doloroso.
Sofri, com o suor que lhe vi correr pela face, fruto do enorme esforço que estava a fazer, para colocar a voz em sítios cuja extensão tinha ficado celebre.
Sofri porque só episodicamente conseguia distinguir o timbre que caracterizava a sua voz e lhe dera o título de “rei do rock”.
Sofri porque permanentemente me parecia que ele não iria ser capaz de chegar á nota, que lhe desafiava a memória.
Sofri com o sacrifício, que vi Elvis Presley fazer para cantar, disfarçando com um esporádico e magoado sorriso, parecendo adivinhar, que aquela seria a sua última interpretação.
Sofri finalmente, porque vi um homem que fora o ícone de uma geração, sombra de si mesmo, deformado fisicamente, com a consciência das suas dificuldades, pressentindo que estava tudo acabado e embora ainda o considerassem “Rei”, o barro dos seus pés, não o deixava ir mais longe.




ElvisPresley-UnchainedMelody
Enviado por fisga69. - Buscar outros videos de Musica.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

A ANTÁRTIDA

A ÚLTIMA FRONTEIRA DA TERRA

A importância que este continente, onde nenhum homem habitou no passado, constitui a maior reserva ecológica do mundo.
Alguns cientistas afirmam que um dos maiores problemas do aquecimento global, advêm do facto de muitas cidades e povoações do litoral correrem o risco de desaparecer, caso se derretessem as camadas de gelo que cobrem a Antártida.
É este o tema no power point de hoje.

Para seu próprio prazer, aconselhamos a passar lentamente este apresentação, para gozar a maravilhosa música que lhe serve de fundo.

NESTE LINK


UM VIDEO ASSUSTADOR

TERRIVEL LIBELO CONTRA O CONSUMISMO

Este vídeo traz á evidência a enormidade dos problemas ambientais e sociais, que os hábitos consumistas estão a acarretar para a humanidade e sobretudo, para as gerações vindouras.
É um vídeo precioso para nos despertar para a gravidade da situação.
É nesta perspectiva que entendemos aconselhável ver este vídeo com muita atenção.
As ilações que dele devem ser tiradas, mostram claramente que se não modificarmos radicalmente os nossos hábitos consumistas, o futuro apresentará graves problemas de sobrevivência.
É da maior conveniência fazer dele uma base de referência e meditação, para que tenhamos um comportamento mais empenhado e racional na luta contra o consumismo


terça-feira, 26 de janeiro de 2010

ICEBERGS LISTRADOS DA ANTÁRTIDA

A primeira motivação para publicar este “power point”, era dar continuidade aos textos que temos publicado ultimamente sobre esta zona do nosso Planeta.
Só que desta vez, não é a ecologia que está no nosso objectivo, mas chamar a atenção para um fenómeno de uma beleza extraordinária, que só é possível naquela zona da Terra.
Para quem está habituado a ver os icebergs como massas de gelo, de uma uniformidade branca imaculada, a beleza do fenómeno que hoje apresentamos, ultrapassa tudo o que a nossa imaginação possa conceber.

MÁRIO SOARES
OU A HISTÓRIA DE UMA VIRGEM PERDIDA
NO MEIO DE UM IMENSO BORDEL

António Marinho Pinto, Bastonário da Ordem dos Advogados, escreveu no “Diário do Centro”um extenso artigo sobre Mário Soares, de onde reproduzo aqui alguns fragmentos, deixando ao leitor mais interessado, o acesso ao texto integral, clicando
AQUI
Tal como acontece com Marinho Pinto, ambos cultivamos o chamado “ódio de estimação” a Mário Soares, pois coicidentemente, ambos consideramos que Mário Soares “ é arrogante, pesporrento e malcriado”, não tem “Princípios”, mas apenas “Fins” e sacrifica tudo á sua máxima preferida :“Em política, feio, feio, é perder” e que ziguezagueia na política, não consoante o dever e a honra, na minha perspectiva, mas segundo as conveniências do momento.
Só discordamos em parte de Marinho Pinto,quando considera que: “Mário Soares nunca foi um verdadeiro democrata. Ou melhor é muito democrata se for ele a mandar”, na medida em que achamos que sempre que teve oportunidade de mandar, a democracia andou a passear pelas urtigas.
O Bastonário refere mais adiante, “Durante a revolução portuguesa andou a gritar nas ruas do país a palavra de ordem «Partido Socialista, Partido Marxista», mas mal se apanhou no poder meteu o socialismo na gaveta e nunca mais o tirou de lá. Mário Soares combateu o comunismo e os comunistas portugueses como nenhuma outra pessoa o fizera durante a revolução e FOI AMIGO DE NICOLAU CEAUCESCU, FIGURA QUE CHEGOU A APRESENTAR COMO MODELO A SER SEGUIDO PELOS COMUNISTAS PORTUGUESES”.
E continua, Marinho Pinto: “JÁ DEPOIS DO 25 DE ABRIL, ASSUMIU-SE COMO O HOMEM DOS AMERICANOS E DA CIA EM PORTUGAL E NA PRÓPRIA INTERNACIONAL SOCIALISTA. Dos mesmos americanos que acabavam de conceber, financiar e executar o golpe contra Salvador Allende no Chile e que colocara no poder Augusto Pinochet”.
Em relação a Mário Soares, estas são algumas das muitas razões que Marinho Pinto acaba por evocar no texto, mas quanto a nós, muitas mais poderíamos e teríamos para acrescentar.
A história classificará de certeza, Mário Soares, como o carrasco desse 25 de Abril, idealista e mobilizador, como não há memória em Portugal de nenhum outro movimento popular; e mais do que isso, colocá-lo-á na galeria dos políticos menores, que mais influenciaram a história do seu tempo, pelas piores razões. Galeria essa pejada de marmanjos, oportunistas, traidores como Mikhail Gorbachev, ou até o "beato" Lech Walesa.
A sua intervenção negativa, na história do nosso país, podia ser lamentada por cerca de dois terços da população, na medida em que o terço restante beneficiou entre muito, pouco, ou quase nada, com as suas manipuladoras oscilações políticas.
A dura realidade de hoje, é que até esse terço, tem vindo a emagrecer substancialmente e está reduzido aos detentores do grande capital, dos meios de informação e de alguns militantes da máquina do poder.
Para além destes, há uma residual minoria, embebedada ainda pelos slogans do PS e do PSD, não percebendo “os porquês”, ou nem sequer tendo necessidade de perceber, porque vai havendo uma margem de manobra económica, que os retira das preocupações em que está mergulhada a maioria esmagadora da população.
Outra razão, não menos comum, infelizmente, é o conservadorismo, facciosismo, ignorância, religião, ou anti-comunismo primário, que vai fazendo resistir á evidência todos os argumentos que provam, terem sido as elites financeiras e os apoiantes e ex-apoiantes de Mário Soares, que passo a passo, engordaram e sustentaram essa corja de abutres, que tem enriquecido “á tripa forra” e desfeito a moral e a economia deste desgraçado país.
Muitas e muitas vezes utilizando as bandeiras de Abril, Mário Soares e seus capangas, ludibriaram e continuam a ludibriar; traíram e continuam a trair os ideais de Abril, impondo a pouco e pouco, sorrateiramente, a miséria como estatuto para a maioria esmagadora dos portugueses, ou obrigando-os a fugir do seu país natal, para poderem sobreviver, com alguma dignidade.
A nossa razão é tão evidente, que bastava fazer este simples raciocínio: Que é feito dos biliões e biliões que a Europa nos tem enviado.
Em 1974, nós éramos auto suficientes em 80% do que produzíamos, cobrindo os 20% que faltavam, com as exportações, turismo e remessa dos emigrantes.
Hoje temos o aparelho produtivo destruído e vemo-nos na obrigação de importar 80% do que consumimos.
Mas que raio de gente é esta, que só sabe emprenhar pelos ouvidos e não consegue ver o que a “evidência” lhe põe á frente dos olhos?
Medina Carreira, porque é dos poucos que ainda vai tendo possibilidades de ser ouvido, lá vai dizendo “algumas” verdades, que perante a monstruosidade da situação, vai sendo acusado de…….”catastrofista”!!!
Para o intenso combate e denúncia que desde sempre o Partido Comunista tem levado a cabo contra todos os desvarios praticados….limitam-se a ocultar os seus argumentos ou fundamentam a falta de razão com o slogan……..“São comunistas!!!”, atribuindo a essa patriótica e devotada militância, hiperbólicas ou diabólicas segundas intenções!!!
No fundo a grande questão que se levanta é: Como fazer perceber que quem nos tem governado nada têm de Socialistas, nem sequer de sociais-democratas, para não relembrar o papel dos renascidos pseudos democratas-cristãos, que enchem a boca com o Socialismo e justiça social, para manterem os seus privilégios.
Se assim não fosse, por que “carga de água” é que nos encontramos nesta situação de atraso, a todos os níveis, sendo que são sempre os mesmos interesses (embora de máscaras diferentes), que nos têm governado?
A questão central é como fazer perceber que é possível uma verdadeira política alternativa, que defenda os trabalhadores e a produção nacional e que nada tem a ver com esta cambada.
Como fazer perceber que é possível sermos felizes aqui, na terra onde nascemos.
Como fazer perceber novamente, que o 25 de Abril está dentro de todos nós trabalhadores, na expressão de qualidade e humanismo de que somos genéticamente construídos, apesar de tão maltratados e enganados desde sempre, pelas classes dominantes.
Todos os que tiveram ocasiâo de viver esses tempos inesquecíveis, sentimos saudades dessa "saudade" e sabemos que se tivermos uma oportunidade, seremos capazes de dar novamente os generosos exemplos dessa humilde e genuína solidariedade.
Foi um período glorioso, inesquecível, em que fomos olhados como um farol da emancipação dos trabalhadores, em todo o mundo e nomeadamente na Europa, onde o nosso exemplo foi tomado como uma experiência muito perigosa para o capitalismo e daí as sabotagens e colaborações abstrusas que permitiram a contra-revolução.
São as justas razões que temos, a memória desses belos e estimulantes tempos, que nos impõe a persistência na luta e nos dá a certeza de que nada nos pode afastar dela, por mais dura que seja, não só porque é justa e necessária, mas sobretudo porque é possível e indispensável.
Se seguirmos o rasto de Mário Soares, de certeza a lição e a experiência exemplar que nos deu, permitirá abrir a gaveta da secretária onde meteu o Socialismo……e não só abri-la como utilizá-lo para bem e emancipação do nosso povo!!!
Só precisamos perceber que Socialismo……..não é o que apregoa o PS, o PSD ou até do CDS (se quiserem cumprir os Estatutos)….antes pelo contário!!!!
NOTA FINAL
Marinho Pinto faz no final do seu texto, referência a uma obra de Rui Mateus publicada em 1996, sobre Mário Soares, que se encontra esgotada mas tem um exemplar a correr na Internet, que em determinada altura publicámos neste Blogue.
Para quem queira ler esse texto, que recordo ter sido retirado de circulação após grande celeuma, ou segundo outra versão, que teria sido comprado na totalidade por “alguém”.
Encontra neste Blogue, mais uma vez, a possibilidade de ter acesso a essa obra clicando AQUI
ou
NESTE LINK
ou então
NESTE LINK

domingo, 24 de janeiro de 2010

OS CAMINHOS DA CIÊNCIA

ÚLTIMA FRONTEIRA DA CIÊNCIA, A DESCOBERTA E INVESTIGAÇÃO DO LAGO VOSTOK

No passado dia 22 de janeiro, publicámos sob o título “OS CAMINHOS DA CIÊNCIA” e com o sub-tÍtulo “ÚLTIMA FRONTEIRA DA CIÊNCIA, A DESCOBERTA E INVESTIGAÇÃO DO LAGO VOSTOK”, um texto, onde falávamos da descoberta de 60 a 80 lagos, sob a calote glaciar da Antárctida, com mais de 15 milhões de anos.
Entre eles está o Lago Vostok, sob investigação de cientistas russos e que levanta vários problemas de ordem científica, ligadas á contaminação “da” e “para” a humanidade.

Sabe-se existirem aí micro organismos, que pelas suas características certamente diferentes e desconhecidas da ciência actual, poderem causar epidemias ou danos incontroláveis para a raça humana.
Aproveitamos a ocasião de publicar este “power point” sobre a Antárctida, para recomendar mais uma vez
a leitura desse texto, pelo relevante interesse que têm para a humanidade, poder vir a conhecer formas de vida com dezenas de milhões de anos, sem sofrerem alterações e absolutamente imunes a qualquer influência que a evolução e a civilização, produziu na Terra.

NESTE LINK
CUBA – MEU AMOR

UM CASO EXEMPLAR DE SOLIDARIEDADE INTERNACIONAL

A minha (pelo coração!!!) heróica Cuba, apesar de todas as dificuldades que os seus “civilizados” vizinhos norte-americanos lhes colocam, com o seu feroz e irracional bloqueio, consegue ser o país que encabeça os esforços da Aliança Bolivariana para os povos das Américas (ALBA), na solidariedade para com o Haiti.
Não é de agora, que Cuba dá ao Haiti, uma ajuda desinteressada, como reflexo da sua política de solidariedade internacionalista.
Não foi só agora, com o trágico e devastador terramoto que se abateu sobre o Haiti, que essa ajuda se fez sentir.
De facto, nesta altura, mais de 400 especialistas cubanos de saúde prestam seus serviços na capital do Haiti e em várias instalações, nas áreas periféricas da cidade.
No entanto, a ajuda de Cuba ao Haiti, já se vem processando desde 1998, através dos 2.100 profissionais da saúde, que desde então estão destacados para aquele território.
Já nesta anterior acção de solidariedade, Cuba tinha colocado médicos seus, onde nunca nunca antes um médico tinha permanecido de forma permanente.
Em resultado dessas medidas, foi notória a melhoria sensível dos níveis de saúde dos haitianos.
Como consequência dessa acção, os médicos cubanos já ajudaram a nascer mais 110.000 crianças e 228.000 pessoas foram submetidas a cirurgias.
Numa campanha designada “Operação Milagre” em funcionamento desde 2005, mais de 155.00 pacientes melhoraram ou recuperaram sua visão.
Mas a ajuda solidária de Cuba para com o Haiti, não se ficou por aqui.
Seguindo o velho provérbio chinês:
"Quando um homem te pedir de comer porque tem fome, não lhe dês um peixe... ensina-o a pescar”
Cuba já formou como médicos, na Faculdade de medicina do Caribe, na cidade cubana de Santiago, 554 haitianos, que já prestam seus serviços em 27 cidades e aldeias do Haiti.





HAITI.

A COMUNIDADE INTERNACIONAL REJEITA
A PRESENÇA NORTE-AMERICANA

É voz corrente que a comunidade internacional, rejeita firmemente a presença militar americana na nação caribenha e reclama que essa ajuda se traduza não no envio de militares, mas é de outro tipo de auxilio, tal como médicos e enfermeiros, que é o que Haiti mais precisa neste momento.
É um facto que a desordem civica em que se encontra o Haiti, está a servir de capa para a autêntica invasão militar que os norte–americanos levaram a cabo.
No entanto o exagero é de tal dimensão que o governo francês já disse à ONU

" este era momento para ajudar e não para invadir o país"
referindo-se à posição norte-americana face à situação haitiana.
Até a própria União Europeia se viu obrigada a encorajar a ONU a definir uma estratégia para a distribuição da ajuda humanitária, comprometida pelos obstáculos criados por efetivos estadunidenses no aeroporto de Porto Príncipe, de que até a AMI portuguesa foi vítima.

sábado, 23 de janeiro de 2010

MUSEUS DO VATICANO

Os museus do Vaticano, têm uma história “levada do diabo”.
A displicência dos papas em organizar e classificar os seus numerosos tesouros artísticos, fez com que só muito tarde, no tempo do Cardeal Giuliano della Rovere, que foi eleito papa com o nome de Júlio II (1503-1513).

Só então se começou a criar uma consciência museológica e a catalogar as obras de arte, que das mais variadas formas tinham sido adquiridas (nem todas elas muito cristãs!!!).
Se quizer saber mais alguns pormenores sobre a história dos museus do Vaticano, por alguém que deve ter visto o “power point” que publicamos hoje, e foi depois investigar algumas coisas interessantes, clique
AQUI
Um outro endereço relevante para ficar a rapidamente ficar a saber mais algumas coisitas das papais tropelias e por arrasto, a história de algumas dessas aquisições, pode começar por AQUI e vá direito ao HISTÓRICO.

AGORA PARA VER O "POWER POINT"
NESTE LINK
CARTÃO EUROPEU DE SAÚDE

SE VAI VIAJAR, PRECISA DO CARTÃO EUROPEU

DE SEGURO DE DOENÇA.

O modelo do Cartão Europeu de Seguro de Doença é idêntico em todos os Estados Membros. Isto permite aos prestadores de cuidados de saúde em qualquer Estado Membro reconhecerem imediatamente o cartão.O segurado pode então beneficiar de um procedimento simplificado para receber toda a assistência médica que se tenha tornado necessária durante uma estada temporária.

- O Cartão Europeu de Seguro de Doença é um documento que assegura a prestação de cuidados de saúde que se tornem clinicamente necessários durante a estada no território de outro Estado-Membro ou Parte. O cartão não abrange as situações em que a pessoa se desloca a outro Estado com o objectivo de receber tratamento médico.

-Se durante uma deslocação a um Estado-Membro o nacional adoecer deve fazer-se atender nos serviços oficiais de saúde ou convencionados, de acordo com a legislação nacional do Estado-Membro em que se encontra, como se fosse beneficiário do sistema de segurança social desse Estado.
Podem ser titulares do Cartão Europeu de Seguro de Doença:

-Os trabalhadores, inclusive os dos transportes internacionais, os pensionistas e seus familiares que se encontrem abrangidos por um regime de segurança social;

-Os beneficiários de subsistemas de protecção social que tenham assumido a responsabilidade pelos encargos financeiros gerados com os cuidados de saúde prestados pelos titulares do Cartão Europeu de Seguro de Doença.
O Cartão Europeu de Seguro de Doença pode ser solicitado:

- Em Portugal Continental, junto do Centro Distrital de Segurança Social (ou Caixa de Previdência) onde reside ou para onde são canalizadas as suas contribuições, bem como seus Serviços Locais e Lojas do Cidadão;

- Nas Regiões Autónomas, junto dos serviços dos Centros de Prestações Pecuniárias quanto à Região Autónoma dos Açores, e nos serviços do Centro de Segurança Social da Madeira, quanto à Região Autónoma da Madeira;

- Junto do Subsistema de saúde (Instituição responsável pela protecção na doença, por exemplo, ADSE, SAMS, etc...)
O Cartão Europeu de Seguro de Doença é emitido em 29 Estados:

- 25 Estados-Membros da União Europeia (Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca, Eslovénia, Estónia, Grécia, Espanha, Finlândia, França, Hungria, Irlanda, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polónia, Portugal, Reino Unido, República Checa, República Eslovaca e Suécia

- 3 Estados parte do Espaço Económico Europeu (Islândia, Lichtenstein e Noruega)e Suiça.

Para mais informações sobre o Cartão Europeu de Seguro de Doença, poderá consultar o Portal da Saúde do Ministério da Saúde, no endereço electrónico clicando
AQUI

Para mais informações sobre viajar na União Europeia poderá consultar o Portal da Saúde da UE clicando AQUI

REQUERIMENTO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA
MODELO DO IMPRESSO

Pode obter o modelo do requerimento
AQUI

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

A BELEZA DO “CIRQUE DU SOLEIL”

O “Cirque du Soleil” é um espectáculo circense, altamente sofisticado, renovando as forma de apresentação clássica dos circos, acrescentando-lhe elementos esteticamente inovadores e com efeitos que resultam muitas vezes numa beleza arrebatadora, quase sempre surpreendente e original.
O “power point” que se segue, descreve os principais elementos da história deste circo de características únicas nesta forma de espectáculo, mágico e fascinante.

A BANCA EM PORTUGAL

LUTAR PARA ACABAR COM OS PRIVILÉGIOS
FISCAIS DA BANCA EM PORTUGAL

Entre 2005 e 2009, a Banca arrecadou 2.470 milhões de Euros de lucros apenas porque pagou uma taxa efectiva de imposto inferior á legal e reduziu as remunerações dos trabalhadores em percentagem do produto bancário.
Eugénio Rosa fez um estudo sobre esta matéria que pode consultar
AQUI .
ÚLTIMA FRONTEIRA DA CIÊNCIA?

A DESCOBERTA E INVESTIGAÇÃO DO LAGO VOSTOK

O Lago Vostok é uma massa de água sub-glaciar, localizada na Antárctida, por baixo da Estação Vostok, um centro de investigação dirigido pela Rússia.
Calcula-se que a submersão das águas deste lago tenha começado há 30 milhões e terminado há 15 milhões de anos.
As formas de vidas existentes então, eram diferentes das actuais e acredita-se que este período de tempo de isolamento, possa ajudar a perceber melhor a evolução de novas espécies.
As características desses microrganismos permanecem desconhecidas e podem ter implicações importantes, nomeadamente, se forem agentes patogénicos, com capacidade de provocar novas doenças.
Neste local, a camada de gelo antárctico tem uma espessura 4.000 metros.
Os cientistas russos que perfuraram um poço de 3 600 metros de profundidade, encontraram bactérias desconhecidas nas amostras do gelo extraído, daí as cautelas que se revestiram as investigações, para manterem as águas do Lago Vostok, totalmente protegida da atmosfera de qualquer contacto com o exterior e também para não provocar qualquer contaminação.
No fundo do Lago Vostok calcula-se que há lama e detritos orgânicos.
Os cientistas acreditam que poderão encontrar aqui seres nunca vistos.
Este lago e cerca de oitenta outros lagos sub-glaciares semelhantes, já detectados, desconhecidos até há pouco, permanecem como uma das últimas zonas por explorar do planeta Terra.
No desenvolvimento das investigações dos mares sob as calotes glaciares, a NASA, prepara um robot para futuras investigações e possivelmente poderão ser utilizados nas investigações, dessas novas fronteiras pré-históricas.
Para maior desenvolvimento desta matéria clique
AQUI

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

CONVERSAS DE PINTO DA COSTA

AO QUE ISTO CHEGOU!!!
VALHA-ME SÃO JUVENAL!!!

Apelo a S. Juvenal, porque vi no “Twiter” que era o santo protector dos corruptos, com o argumento de que todos são filhos de Deus ….está explicado!!!
Esta explicação impõe-se, primeiro porque, ainda não sou santo (informo que estou na fila, logo a seguir ao Pio XII), depois porque sou do Sporting, mas estou a pensar em virar a casaca, não vá encontrar o Sá Pinto, que anda á pancada a todo o mundo.
O vídeo com esta conversa do Marechal Pinto da Costa é a primeira que vem no YouTube, mas se clicar
AQUI pode ver muitas mais....enquanto não as retirarem:


BEAUTIFUL PICTURES

É ESTE O TÍTULO ORIGINAL DA APRESENTAÇÃO

Eu diria, acrescentando, fotografias de uma beleza esmagadora.
Não encontro outras palavras mais adequadas para exprimir o que senti, quando me foi dado admirar este ”Power point”.
De facto e certamente concordarão comigo, é emocionante admirar algumas destas fotos.
Há uma ou duas que já tínhamos publicado, mas vale a pena neste contexto, revê-las, quanto mais não seja para reviver tão belas emoções.

NESTE LINK


ESCÂNDALO
UMA VERGONHA ABSOLUTAMENTE INACREDITÁVEL!
INÊS DE MEDEIROS, FILHA DO VITORINO DE ALMEIDA E DEPUTADA PELO CIRCULO DE LISBOA DO P.S.
COMO A SUA RESIDÊNCIA É EM PARIS, RECEBE DIARIAMENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA 528€ DE AJUDAS DE CUSTO DIÁRIOS, MAIS A VIAGEM PAGA A PARIS IDA E VOLTA, AOS FINS DE SEMANA
COMO É POSSÍVEL ACEITAR ISTO!

ESCÂNDALO

SILVA LOPES, NOMEADO ADMINISTRADOR DA EDP RENOVÁVEIS.

SILVA LOPES, com 77 (setenta e sete) anos de idade, ex-Administrador do Montepio Geral, onde saiu há pouco tempo com uma indemnização de mais de 400.000 euros, acrescidos de varias reformas que tem, uma das quais do Banco de Portugal como ex-governador, logo que saiu do Montepio foi nomeado Administrador da EDP RENOVÁVEIS, empresa do Grupo EDP.
Com mais este tacho dourado, lá vai sacar mais umas centenas de milhar de euros num emprego dado pela escumalha política do governo, que continua a distribuir milhões pela cambada afecta aos partidos do centrão.
Silva Lopes foi o tal que afirmou ser necessário o congelamento de salários e o não aumento do salário mínimo nacional, por causa da competitividade da economia portuguesa. Claro que para este senhor, o congelamento dos salários deve ser uma atitude a tomar, (desde que não congelem o dele, claro).

ESCÂNDALO

FERNANDO GOMES, COMISSÁRIO POLÍTICO DO PS

Como administrador da GALP, recebeu em 2008, mais de 4 milhões de euros de remunerações.
Acresce a isto um PPR de 90.000 euros anuais, para quando o ” comissário PS ” for para a reforma.

Publicado em
TRABALHADORES

ESCÂNDALO

Com base em duas reportagens televisivas, Correia da Fonseca denuncia que “em muitas empresas portuguesas é aplicada a tortura a trabalhadores que se tornaram indesejados pelas respectivas gestões”.
De qualquer modo, esta denúncia pela TV, relativamente discreta, sugere que está a ser adoptado com certa frequência.
Em muitas empresas portuguesas é aplicada a tortura a trabalhadores que se tornaram indesejados pelas respectivas gestões.
Desde retirar ao trabalhador (ou trabalhadora, é claro), qualquer tarefa, obrigando-o a manter-se no seu lugar durante todo o tempo do horário sem nada para fazer, ou distribuir-lhe tarefas menoríssimas e inúteis que resultam em humilhação profissional óbvia, até colocar a secretária da vítima virada para uma parede e de costas voltadas para todo o resto durante o dia laboral inteiro, ou ainda, em hipótese mais agressiva, colocar o empregado numa sala vazia de tudo incluindo assentos, há uma gama de «tratos especiais» que algumas. empresas aplicam. Com um objectivo: o de pressionar o empregado para que ele peça a demissão, já que em certos casos despedir um trabalhador sem justa causa ainda é oneroso e complicado.

ESCÂNDALO

AINDA FALTAVA ESTA! POSTO DA GNR ARMAÇÃO DE PÊRA VIGIADO PELA "PROSSEGUR "...!!!!!

O Ministério de Administração Interna deste Governo mandou instalar sistemas de segurança de empresas privadas para proteger instalações de forças policiais !!!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

OS OVOS DE FABERGÉ

Na Rússia, onde a fé ortodoxa é dominante, a Pascoa é a festa tradicional por excelência, mais importante até que a festa do Natal.
Para além dos cultos religiosos, as reuniões familiares, caracterizam-se pela troca de prendas que são constituídas habitualmente por ovos coloridos, com desenhos de cores brilhantes, normalmente decorados com símbolos de fertilidade, da renovação de vida e de esperança.
Esta tradição foi inaugurada pelo Czar Alexander III, para comemorar o vigésimo aniversário do seu casamento com a Czarina Maria Feodorova.
Por se tratar de uma circunstância especial, resolveu nessa Páscoa encomendar um ovo, a Fabergé.
Peter-Karl Fabergé, já na época, era um joalheiro muito célebre, nascido na Rússia, mas filho de pai francês.
Esta encomenda do Czar, exigia que esse ovo tivesse algumas características particulares.
Por fora, seria um simples ovo esmaltado, mas conforme a Czarina o fosse abrindo, apareceria uma gema de ouro, que por sua vez tinha dentro uma galinha de ouro e dentro dela um diamante e um rubi em forma de ovo.
Esta jóia que iniciou a tradição do Czar oferecer todos os anos um ovo á sua esposa, que encomendava a Fabergé
O primeiro exemplar desapareceu e dele não há mais do que a referência histórica.
A única exigência ao joalheiro, era que fosse um exemplar único e que constituísse sempre uma surpresa, a que o genial talento de Fabergé sempre correspondeu, aumentando a sua complexidade, beleza e riqueza dos seus componentes, tornando com o seu enorme poder criativo, as peças de joalharia as mais célebres de sempre.
De algumas dessas obras-primas de joalharia, cuja maioria se encontra hoje em museus, damos conta no “power point” que publicamos.
Resta acrescentar que Fabergé durante mais de 30 anos criou na sua empresa, mais de mil obras-primas de todo o tipo e nela chegaram a trabalhar mais de 700 trabalhadores.

NESTE LINK

QUANDO APARECER O ALERTA DE SEGURANÇA, É SÓ CLICAR EM "OK"

UM MIX DE MIMO E MAGIA

UM ESPETÁCULO EXCEPCIONAL








domingo, 17 de janeiro de 2010



BREVE BIOGRAFIA
PARA NÃO ESQUECER
E ACRESCENTAR ÁS QUE
PUBLICÁMOS ONTEM
.
RICARDO RODRIGUES

vice-presidente da bancada socialista
.
.
.

Ricardo Manuel de Amaral Rodrigues, jurista de profissão, ocupa actualmente o cargo de vice-presidente da bancada parlamentar do PS na Assembleia da República.
É membro do Conselho Superior do Ministério Público eleito pela AR e membro da Comissão Parlamentar Permanente. Pertence à Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, integrando a Comissão de Inquérito sobre a situação que levou à nacionalização do BPN e sobre a Supervisão Bancária Inerente.
É ainda presidente da Subcomissão de Justiça e Assuntos Prisionais.
Coordena vários grupos de trabalho, entre os quais se destacam o da protecção de vítimas de violência doméstica, o do regime jurídico de inventário, o dos dados do sistema judicial, o do código de execução de penas e o da lei do cibercrime
Em Novembro de 2003, era Ricardo Rodrigues secretário regional da Agricultura e Pescas do governo de Carlos César, rebenta o escândalo de pedofilia nos Açores, conhecido também por «caso garagem do Farfalha».
Várias figuras conhecidas de Ponta Delgada vêem o seu nome enredado no escândalo, entre elas um conhecido médico e um procurador-adjunto, (convenientemente transferido para o Tribunal de Contas do Funchal)
Ricardo Rodrigues vê, também, o seu nome implicado e, antes que a coisa atinja outras proporções, demite-se do Governo Regional.
Porém, apesar do falatório, o agora deputado nunca foi constituído arguido no processo.
No início de Janeiro de 2004, são conhecidas ligações de Ricardo Rodrigues a um outro escândalo, neste caso financeiro, que envolvia uma burla tendo por alvo a agência da Caixa Geral de Depósitos de Vila Franca do Campo, S. Miguel, a poucos quilómetros de Ponta Delgada.
A comunicação social passou a denunciar o que se segredava à boca pequena e, «indignado», o responsável socialista resolveu processar um jornalista que, não só referiu este caso, como também o malfadado escândalo de pedofilia.
Cinco anos depois, o Tribunal da Relação de Lisboa não lhe deu razão e, espanta-se, no acórdão, por o deputado não ter sido investigado nem ter ido a julgamento, no processo de Vila Franca do Campo.
Ligações perigosas.
Ricardo Rodrigues apareceu ao lado de uma loira espampanante que se apresentou nos Açores como uma milionária que estava disposta a fazer avultados investimentos na Região.
Emigrante no Canadá, dizia-se possuidora de uma considerável fortuna e teve direito a imensas atenções da comunicação social local.
A seu lado lá estava Ricardo Rodrigues, como advogado e procurador da senhora.
À conta disso, passeou pelo mundo.
As coisas correram mal e a agência da Caixa Geral de Depósitos de Vila Franca do Campo meteu um processo à senhora por uma burla de muitos milhões de euros.
O inquérito policial que investigou Ricardo Rodrigues por crimes de «viciação de cartas de crédito e branqueamento de capitais» remonta a 1997 (nº 433/97.8JAPDL), sendo que relatórios da PJ enfatizam a sua estreita ligação à principal arguida, Débora Maria Cabral Raposo, entretanto detida e em cumprimento de pena, depois de vários anos com mandados de captura internacionais, e classificada pela polícia como «burlona e traficante de estupefacientes». Rodrigues foi sócio e advogado de Débora, sendo que com ela frequentou os melhores hotéis e utilizou os serviços das mais conceituadas agências de viagens, tendo deixado um considerável rasto de «calotes»...
(...)O estratagema encontrado para lesar a Caixa Geral de Depósitos foi arquitectado por Débora, ex-bancária e apontada como «cérebro da operação».
Esta e o gerente da CGD, Duarte Borges, (primo de Carlos César e irmão de um conhecido magistrado judicial) engendraram um esquema de acesso a empréstimos fraudulentos servindo-se de um singular expediente.
Como Borges usufruía de capacidade para conceder empréstimos até 2.500 contos, apenas com a finalidade de «adquirir novilhas para recria», angariavam supostos agricultores para acederem ao crédito, a troco de algumas dezenas de contos.
Denunciado em acareação
As declarações nos autos do ex-gerente da CGD são esclarecedoras: «Foi referido pelo arguido, Duarte Borges, na acareação (…), que tem consciência que enviou vários milhares de contos (da CGD, provenientes de empréstimos agrícolas) à Débora Raposo / colaboradores, tendo indicado, entre outros, o arguido Ricardo Rodrigues.
Mais, referiu que a Débora e os colaboradores, onde se encontra o arguido Ricardo Rodrigues, negociavam Cartas de Crédito, com dinheiros dos empréstimos fraudulentos em vários países».
Este expediente, permitiu à «associação criminosa» prejudicar o banco do Estado num valor aproximado de 1 milhão e meio de contos, utilizados em operações de «engenharia financeira» muito duvidosas e, segundo a PJ, com ligações a redes internacionais de tráfico de droga, com quem Débora Raposo teria estreitas relações.
Um dos tentáculos destas operações era o Colégio Internacional, no Funchal, cujos sócios eram Débora , Ricardo Rodrigues e a sociedade offshore Hartland Holdings Limited, uma obscura empresa com sede num apartado da Ilha de Man, no Reino Unido.
Autor da proposta (recusada) da criação da figura de um procurador especial junto da Assembleia da República
É também apelidado por deputado da Vírgula
Relacionado com o n.º3 do artigo 30 do Código Penal (CP), referente ao crime continuado.
Contestações
«Pela primeira vez em texto de lei, o legislador diz que é possível aplicar este artigo a crimes pessoais, quando se trata da mesma vítima de, por exemplo, abuso sexual, violência doméstica ou pedofilia, quando até aqui este artigo apenas se aplicava a crimes contra o património».
No entender da Associação, este artigo «têm de ser abolido». «Vem a arrepio da boa doutrina e jurisprudência, colocando mesmo em causa os direitos humanos dos cidadãos, já que se alguém foi abusado sexualmente 50 vezes pela mesma pessoa, o arguido só pode ser condenado ao máximo de oito anos, quando no anterior Código poderia chegar à pena máxima (25 anos)», referiu
BENS PATRIMONIAIS E PESSOAS
O antigo Código Penal só admitia a figura do crime continuado nos casos dos crimes contra bens patrimoniais. Agora os bens pessoais também são abrangidos, mas o procurador João Palma considera “inadmissível” o mesmo nível de protecção.
ALTERAÇÃO ‘A POSTERIOR
Os magistrados garantem que no projecto de alteração ao Código Penal não constava, na terceira alínea, a frase "salvo tratando-se da mesma vítima", e quer saber quem propôs a alteração e em que altura foi Introduzida
ACTAS E PROJECTOS
O desembargador António Martins desafia os políticos a divulgarem os projectos das leis penais e as actas das audições na Assembleia da República dos diversos operadores judiciários, para que sejam clarificadas as alterações introduzidas. Os magistrados garantem não ter tido acesso a parte da alteração da 3.ª alínea e António Martins sugere que sejam divulgados os trabalhos preparatórios e actas.

CONSEQUENCIAS NO PROCESSO CASA PIA
Vários arguidos do processo de pedofilia da Casa Pia podem vir a beneficiar da alteração ao artigo 30, uma vez que em alguns casos são acusados de vários crimes sobre a mesma vítima.
Ricardo Rodrigues é o deputado que mais defende a posição do Governo contra o Projecto Lei que visa a criminalização do enriquecimento ilícito.
De que tem medo o PS?

sábado, 16 de janeiro de 2010

RELATÓRIO E CONTAS, DE ALGUNS

FIGURÕES DA NOSSA PRAÇA.

ANTÓNIO CARRAPATOSO – Figura de proa da Telecel/Vodafone.
Numa pequena notícia do Expresso, foi noticiado que prescreveu uma dívida de 700.000,00 Euros , de IRS Porque razão prescreveu esta dívida? Porque razão não se procedeu à cobrança coerciva, dado que o contribuinte em causa não tem, nem nunca teve, paradeiro desconhecido?
Aliás, nunca deixou de aparecer, nos ecrãs da televisão para entrevistas e comentários, a defender as virtudes do "sistema"…. que lhe assenta como uma luva!!!
Achamos que este tipo de dívidas não deviam poder prescrever, até porque se trata de dinheiro devido ao Estado, ou seja a TODOS NÓS.

CARLOS HORTA E COSTA - Antigo presidente dos CTT, no dia 14 de Janeiro de 2005, no Pavilhão Atlântico, em Lisboa, durante um Encontro dos Correios de Portugal, os CTT pagaram 19.000,00 euros a Luís Felipe Scolari por uma palestra de 45 minutos, que teve como tema algo do tipo «Como fortalecer o espírito de grupo».
A decoração custou mais de 430.000,00 euros e havia dois carros de luxo.
A despesa feita com a decoração do seu gabinete de presidente do Conselho da Administração dos CTT, bem como a sua sala de visitas e refeições custou 430.691,00 euros.
Aquisição de um Jaguar S Type ( 50.758,00 euros) e um Mercedes Benz S320CDI ( 84.000,00 euros ).

BANCO DE PORTUGAL

VITOR CONSTÂNCIO - Governador do Banco de Portugal ganha 272.628,00 € por ano, ou seja quase 18.200 contos mensais, 14 meses/ano.

ANTÓNIO PEREIRA MARTA - Vice-governador, 244.174,00 €/ano.
Acumula com o seu salário, com a sua pensão como reformado…... do Banco de Portugal. Leu bem, reformado…... do Banco de Portugal!!!

JOSÉ MARTINS DE MATOS - Vice-governador,237.198,00 €/ano

JOSÉ SILVEIRA GODINHO - 273.700,00 €/ano. Também acumula com uma pensão do BP, mais 139.550,00 €/ano Total 413.250,00 €/ano

VITOR RODRIGUES PESSOA - 276.983,00 €/ano. Também tem uma reforma adicional de 39.101,00 €/ano. Total 316.084 €/ano

MANUEL RAMOS SEBASTIÃO - 227.233 €/ano

LUIS CAMPOS E CUNHA - Ex-ministro das Finanças recebeu durante os dois meses em que esteve no Executivo 4.600,00 euros mensais de ordenado e uma reforma de 8.000,00 euros do Banco de Portugal.

LUIS FERNANDO DE MIRA AMARAL - Saiu da Caixa Geral de Depósitos (CGD) com uma reforma de gestor 18.000,00 euros. Na altura acumulava uma pensão de 1,8 mil euros, como deputado e 16.000,00 euros como líder executivo da CGD.
O chocante não é o valor da reforma. É o facto de Mira Amaral poder auferir desta reforma (paga pelos contribuintes) ao fim de apenas um ano e nove meses!!!!!!

JARDIM GONÇALVES – Ex-administrador do BCP e membro da Opus Dei. Tem para sua protecção pessoal, 40 seguranças, 24 horas por dia, pagos pelo banco. Nem Sadam Hussein tinha tantos!!!
A sua esposa deslocava-se regularmente a Nova Iorque – em Falcon privado pago pelo BCP – para ir ao dentista e fazer compras.

O relatório da CMVM revela que o salário anual médio dos administradores da banca e empresas cotadas na bolsa foi, em 2008, de 777 mil euros, isto é, de 64.750 euros por mês (cerca de 13 mil contos mensais ou 426 contos/dia). 64.750 euros por mês equivalem a 136 salários mínimos.
Além disto os senhores tiveram, em média, aumentos de 13 %.
13% sobre 777 mil euros são cerca de 100 mil euros, qualquer coisa como 20 mil contos por ano e para cada um, só de aumentos.....não contando com as regalias e mordomias que ultrapassam todos os limites do imaginável: jactos privados para viajarem, seguranças, automóveis de luxo, motoristas, etc.
Para atingir o valor do ordenado mensal de um desses gestores (só o ordenado! !!), um trabalhador que receba o ordenado mínimo terá de trabalhar mais de 11 anos!!!
Não podemos esquecer que um banco paga metade dos impostos de qualquer empresa em situação difícil, e remunera um depósito a prazo com 1% de juros e cobra 33% nos cartões de crédito.
Assim é fácil conseguir dinheiro para cobrir todos os excessos e bacanais financeiros do sistema bancário.
Estas e outra razões permitiram que nos 9 primeiros meses de 2009, os quatro maiores bancos que funcionam em Portugal obtiveram 1470 milhões de euros de lucros líquidos.
Depois vai-se buscar dinheiro aos mesmos, que andam a sustentar esta canalha há mais de 30 anos.

Nós não somos uns "Otários" silenciosos.

Lutemos para que os Bancos paguem os impostos, como todos os outros!
Lutemos por um sistema de Justiça acessível e atempada, para todos!
Lutemos por um sistema de saúde, que possa responder em tempo útil, às necessidades.
Lutemos para acabar com os tachos, tachinhos e tachões.
Lutemos para ter uma vida mais digna, mais democrática!

A solução???

LUTAR POR UMA ALTERNATIVA A ESTE "MAFIOSO" SISTEMA!!!
DIABETES

Descobrir que se tem Diabetes, é muitas vezes assustador.
Não se alarme e procure saber tudo, sobre a forma de resolver o problema.
Neste “power point” tem imensa informação para satisfazer as suas necessidades imediatas.
Você vai ver que a Diabetes não é um bicho de sete cabeças.
Só precisa de saber controlar a situação e depois disso tem pela frente muitos e muitos anos de vida, que deve aproveitar para viver da forma mais feliz possível.
Se ajudámos alguma coisa, ficamos felizes, pela nossa parte!!!

DIREITOS DOS CONSUMIDORES

A EDP E OS FORNECIMENTO DE ELECTRICIDADE

Em virtude dos temporais, houve prejuízos das mais variadas naturezas, e nomeadamente derivados das faltas de electricidade.
Se tem a convicção de que foi um dos prejudicados por essas quebras de corrente, dirija a sua reclamação á secção comercial da EDP, para ser indemnizado.
Por outro lado, independentemente destes incidentes, acontece que a EDP, embora tenha a obrigação legal de fornecer a corrente eléctrica com uma tensão de 220v, muitas vezes nem chega a 170v.
Muitas vezes nos temos interrogado porque é que a impressora às vezes não imprime, o micro-ondas demora tanto a aquecer, a televisão se avariou, ou enfim que azar é o nosso em particular, que as nossas máquinas se estão sempre a avariar.

Numa grande parte dos casos, este problema são da responsabilidade da EDP.
Quando assim for, está previsto na Lei que a EDP é não só obrigada a colocar um aparelho medidor da tensão da corrente, como a indemnizar os clientes pelos prejuízos causados.
Telefone para 800 506 506 e peça para verificarem a situação na vossa casa.

Muitos clientes já pediram essa verificação e depois de constatarem que em alguns casos a corrente era muito inferior a 220 v, foram indemnizados dos prejuizos.

A EDP É OBRIGADA VERIFICAR E CORRIGIR, SE FOR CASO DISSO…. GRATUITAMENTE.

No caso dos aparelhos avariados junte as facturas das reparações ou substituições e envie cópias para COMPANHIA DE SEGUROS FIDELIDADE - MUNDIAL, S.A. com sede no Largo do Calhariz, 30 - 5º, 1249-001 Lisboa.
Deve referir a apólice nº 8.311.332, ao exigir a respectiva indemnização, tal como a Lei determina.

A EDP NÃO INFORMA DISTO OS CLIENTES PORQUE, COMO É ÓBVIO, É A PARTE MAIS INTERESSADA NA IGNORÂNCIA DOS CLIENTES, SOBRE OS SEUS DIREITOS.




sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

QUINTA DA REGALEIRA

O CORAÇÃO DA INICIAÇÃO MAÇÓNICA

A Alquimia, a Maçonaria e os Templários, incorporam teorias, rituais e procedimentos herméticos que se integram no âmbito do esoterismo.
As teses maçónicas consideram a terra, não só como o útero materno de onde provem a vida, mas também a sepultura para onde voltará.
Muitos ritos de iniciação maçónica, referem os aspectos do nascimento e morte e uma parte deles teria lugar no monumental poço iniciático, espécie de torre invertida, com nove patamares circulares, que foi construído na quinta da Regaleira.
Uma fotografia deste poço, bem como o nosso elevador da Bica, encontram-se entre as melhores fotos de 2009, segundo o critério da revista “Nature´s Best Photography” e que são apresentadas no fim do texto que publicamos a seguir a este “power point”.

NESTE LINK
A PINTURA E A FOTOGRAFIA

PEQUENO ENSAIO SOBRE A ARTE E A FOTOGRAFIA

O principal papel atribuído á pintura artística, era reproduzir em imagens mais ou menos reais, as vivências do quotidiano.
Com o aparecimento da fotografia, foi libertada desta função de reprodução fiel, e abriu espaço para que se começassem a percorrer caminhos até á mais mais pura abstracção.
Entretanto houve um período, com o desenvolvimento das revoluções sociais, e o coincidente aparecimento da fotografia, em que esta influenciou notoriamente a pintura artística, sobretudo na composição dos elementos e figuras que a integravam, com a chamada tendência realista.
São disso testemunha pinturas de grandes artistas, tais como os portugueses Columbano, Alfredo Keil e em França, Edgar Dégas, Claude Monet, Gustave Coubert, etc., etc.
Paradoxalmente, após esta longa caminhada da pintura, que vai do mais puro figurativo á total abstracção, novas formas e tendências modernas apareceram, influenciadas pelas fotografias, onde a pintura tem a pretensão de ir até mais longe do que esta, em termos de pormenor e composição.
Técnicas houve, que utilizando a projecção fotográfica davam a esta uma maior riqueza na textura, no relevo e acentuando pormenores que enriqueciam a própria fotografia.
Nas pessoas que hoje praticam exclusivamente a fotografia como uma proposta artística, a
"caça" ás imagens procura no pormenor, cristalizar ou manipular a realidade, narrar uma história, ou fazer da fotografia, uma forma dissidente de nostalgia.
Por outro lado e de uma maneira geral, a verdade de uma fotografia, depende de quem a observa, da sua cultura, da sua sensibilidade e até da sua crença.
Estamos programados para fundamentar a nossa existência em verdades, certezas e finalidades, quando no fundo a vida é uma permanente evolução e uma constante mudança.
Daí a fotografia constituir para nós uma atracção, embora a realidade da câmara, terá sempre o privilégio de ocultar mais do que aquilo que revela, ou pelo contrário, revelar mais do que aquilo que é “a verdade”, quando recorre por exemplo á utilização do
"photoshop" ou outra qualquer técnica semelhante.
As alterações digitais a que as fotografias são então sujeitas, podem não constituir uma falsificação dessa verdade, desde que o contexto em que ela se encontra inserida não pretenda falsificar a verdade ou o seu conceito sociopolítico.
Observar uma fotografia é como nos colocar como observadores, nos excluímos como personalidade e passamos ao papel de analistas implacáveis da realidade fotografada olhando para essa imagem, não num contexto de verdade e mentira, mas como um simulacro do real e do irreal.
A nossa cultura
voyerística , observa as imagens com imensos cuidados, no sentido de descortinar se a intenção do fotógrafo foi utilizar uma abordagem convencional ou questionar certas regras estéticas, com alegorias ou teatralidade, com ou sem ligação com a realidade.
A
linguagem da fotografia é silenciosa e só pode ser avaliada entre a objectividade relativa ou a ficção objectiva, podendo estas sobreporem-se ou confundirem-se.
Um pormenor que podemos descobrir numa fotografia ou um esclarecimento que ela permita, pode transformar esta, num veículo privilegiado de pedagogia política ou do conhecimento geral, enquanto meio de comunicação cultural.
Quanto ao seu conteúdo artístico, é o olhar do fotógrafo que pode transformar uma fotografia numa
obra de arte e não a sua utilização, por mais relacionada que esteja, ou não, com uma demonstração técnica, científica, ou simplesmente com a vida em geral.
“Fazer ver” a ciência, ou a vida é hoje um privilégio da fotografia e

nomeadamente do chamado foto-jornalismo .
Em ambos a arte, se pode confundir com a técnica.
E vem tudo isto a propósito de uma reflexão sobre um extraordinário “Power point”, que me chegou ao conhecimento, feito com a selecção das 127 melhores fotografias de 2009, escolhidas pela conceituada revista de fotografia”NATURE´S BEST PHOTOGRAPHY” e que publicamos no fim deste artigo.
Entre todas não saberemos o que mais admirar, se por patriotismo faccioso, preferirmos a imagem do Elevador da Bica e do celebérrimo poço da Quinta da Regaleira, em Sintra, onde se procedia a cerimónias rituais secretas dos maçons, ou as lágrimas de crocodilo do ex-presidente Bush, ou ainda dos contrastes a que a natureza humana se reveste, como é o caso da fotografia de um rosto abrutalhado de um eventual boxeur, segurando nas mãos com imensa gentileza, o frágil pé de um lindo malmequer branco.
Dos imensos momentos em que a própria natureza é protagonista, quer pelas cores e peculiares simetrias de que se reveste, quer pela violência dos seus elementos em fúria, quer através de vivências dos seus habitantes domésticos ou selvagens, ora ternurentos, e carinhosos ora ferozes e mesmo bestiais, numa demonstração das amplitudes que determinam a vida e a morte.
Imagens de paz e beleza como a de uma linda criança segurando um cravo vermelho, que nos recorda por um lado, os dias felizes e mobilizadores de Abril e por outro o contraste sinistro dos enormes e pesados uniformes que a rodeiam, em que o pensamento da guerra que lhe está subjacente, isolando e absorvendo instantaneamente o nosso imaginário.
Um tema padrão, é por um lado a insignificância do ser humano e por outro a sua indesmentível superioridade técnica e científica, raiando por vezes o genial e colocando em primeiro plano, a inteligência e sagacidade humana.
Õ talento dos fotógrafos que viram o seu trabalho distinguido nesta selecção, praticam um exercício estético, que nos confunde muitas vezes o real com o imaginário, embora na totalidade destes casos, os truques de tratamento das fotografias, esteja completamente fora de causa.
Culpados são os exageros da Natureza, por fazerem confundir o talento do instantâneo ou a paleta das suas cores, com realidades por vezes tão fugazes, que escapam ao natural olhar de quem não tem o talento desses artistas.

NESTE LINK